Steve Jobs era um homem visionário, que antes de ser um dos fundadores da Apple, já havia demonstrado o seu amor pela inovação em outras áreas. Isso fica bem claro quando olhamos para a sua relação com a música.

Apesar de não ser um músico profissional, Jobs sempre teve uma grande paixão pelo tema. Ele não só gostava de ouvir, mas também de estudar e entender a história da música. Além disso, assim como fez com a tecnologia, ele sempre buscou inovações na área musical.

Entre todos os estilos musicais, o cantor favorito de Steve Jobs era Bob Dylan. Desde jovem, ele já apreciava a música do cantor norte-americano, mas a paixão se tornou ainda maior depois que ele conheceu o músico pessoalmente.

Segundo Jobs, a música de Dylan foi muito importante em sua vida, pois ela expressava os seus sentimentos e ideias de uma forma única e especial. Alguns dos álbuns favoritos do empresário eram Highway 61 Revisited e Blonde on Blonde.

Além de Dylan, Jobs também admirava muito outros músicos que foram importantes em diferentes épocas. Ele gostava de Bach, Beethoven, Mozart, Tchaikovsky e, mais recentemente, bandas como U2 e Coldplay.

A relação de Steve Jobs com a música foi tão importante que ela acabou influenciando a sua carreira na tecnologia. Ele sempre buscou criar produtos que, assim como a música, expressassem um estilo de vida e uma forma de ver o mundo.

É por isso que a Apple é conhecida até hoje como uma empresa que inova não só em tecnologia, mas também em design. Um exemplo disso é o iPod, um dos produtos mais importantes da história da empresa, que além de reproduzir música, também foi pioneiro em outras funcionalidades, como a interação com os podcasts.

O amor de Steve Jobs pela música não foi apenas uma paixão pessoal, mas algo que influenciou a sua carreira e deixou um legado importante para a história da tecnologia. Por isso, vale a pena conhecer um pouco mais sobre os gostos musicais do empresário e entender como a música pode ter um papel tão importante na vida de uma pessoa.

Conclusão

Neste artigo, conhecemos um pouco mais sobre um dos gostos pessoais de Steve Jobs: a música. O cantor favorito do empresário era Bob Dylan, mas ele também admirava outros grandes nomes da história da música. A paixão pela música foi tão forte que influenciou a sua carreira na tecnologia, e a empresa que ele fundou é conhecida até hoje pela inovação em design e produtos que expressam um estilo de vida.